16 agosto, 2009

Enfermagem assistida


...não concordar com a existência de auxiliares de acção médica, ou, actualizando o termo, assistentes operacionais (AO). Se o jardineiro lá do hospital tem formação na sua área, o mesmo se passando com os funcionários de limpeza, como é que pode haver profissionais em contacto directo com o doente sem formação específica? A solução para este problema é atribuír a supervisão do trabalho dos AO aos enfermeiros; assim, o enfermeiro que executa as suas funções definidas e pelas quais é responsável, tem de assumir ainda a responsabilidade pelas funções exercidas por outro profissional. Sou só eu que vejo aqui um grande problema, uma vez que os enfermeiros não são omnipresentes? É assim natural que muitas vezes (sempre que possível) o enfermeiro prefira fazer ele próprio as coisas, do que solicitar a alguém que, não sendo responsável pelo que faz e não tendo formação para tal, poderá fazer asneira. É neste sentido que defendo a substituição dos AO pelos auxiliares de enfermagem, profissionais que quando solicitada a sua colaboração, se saiba que têm formação nesses sentido, podendo transmitir confiança e que sejam responsáveis pelas suas acções (previamente definidas). Até à criação dos mesmos, não vejo porque se critica as contas feitas pela Ordem dos Enfermeiros ao equiparar os rácios enfermeiros/utentes de Portugal com os dos países onde se aplica enfermeiros+auxiliares de enfermagem/utentes; afinal de contas, em Portugal não são os enfermeiros que fazem o trabalho dos auxiliares de enfermagem de outros países?

5 comentários:

Enfermagem XXI disse...

Parabéns por este espaço de Enfermagem e seja benvindo à blogosfera...
Já estou a "segui-lo"!

Cumprimentos,

Enfermagem XXI

www.enfermagem21.blogspot.com

Guilherme de Carmo disse...

concordo inteiramente
tou a gostar... ja me tornei seguidor

Doutor Enfermeiro disse...

"afinal de contas, em Portugal não são os enfermeiros que fazem o trabalho dos auxiliares de enfermagem de outros países"

Não é verdade. Apenas em parte. Mas a esta questão respondi-lhe no DE.
Abraço e parabéns pelo blog.

Sant'Iago disse...

http://www.youtube.com/watch?v=PB5YcnsotZI&feature=fvst

Sant'Iago disse...

;)